Ceifa


De cada vez que o colocam à míngua
ele cresce
feito uma sequóia

De cada vez que a lâmina decepa
a base do seu tronco
ele renasce
raiz indestrutível

Ceifa o desaire
como quem colhe o trigo

Vítor Calé Solteiro 




***


Fechado para inventário

de ignomínias

Área de Paisagem Desprotegida

Para o Mondego

Colocar uma pedra sobre o passado 
é obra apenas ao alcance 
de animais de grande porte.

O território do olvido  
- sabem os nativos -
é área de reserva integral
onde a caça à bruma
é de todo interdita.
  
Quando sombras furtivas
desenlaçam a flor de arame
gera-se um tumulto inaudível
que quebra o mármore da laje
mais robusta.

A lápide recorda-nos:

Área de Paisagem Desprotegida. 


Vítor Calé Solteiro