Existir...



"Todos existimos na sequência de uma fila interminável de seres e somos um conjunto de tudo isso, que se reuniu em nós com diferentes pormenores. Tal como átomos iguais se juntam e dão moléculas com qualidades diferentes."

António Gedeão, professor e poeta

Fotografia sem título de Vasia Kurolesoff, in http://www.photoforum.ru/

7 comentários:

~pi disse...

espelhos de espelho

... ecos de

ecos ~

Dalaila disse...

existimos nos outros e em nós.

lupussignatus disse...

Olá Pi!

ecos

elos

espelhos

união

lupussignatus disse...

Olá Dalaila!

Somos o outro...

O outro é um de nós...

Maria João disse...

Somos o fruto amadurecido pelo calor humano...
Somos a flor perfumada que cresceu com a água pura e cristalina do riacho...
Somos a “Lágrima de Preta” que não ressequiu com a indiferença....
Somos o produto da simbiose da entrega e troca de afectos....
Enfim...

Somos o que quisermos ser quando estamos abertos a dar e receber....

todo o meu ser é o resultado de te ter a meu lado...

beijo perfumado

tonsdeazul disse...

Ora aqui está uma grande frase!

lupussignatus disse...

Olá Joaninha!

Dito assim, dessa forma tão sublime, existir só pode ser um poema doce e cristalino como aquele que (d)escreveste...

O fruto só dá o que recebe da raíz da árvore...

Beijo amadurecido.