Girândola

Fotografia de V. Solteiro,
Serra do Caramulo,
Janeiro de 2008

Maciça

girândola

que sangra

as veias

do ar

e contamina

a pureza

das fontes

Eis o reflexo

das mãos

dos homens

no flanco

da montanha

V. Solteiro, 02.03.08


12 comentários:

Marinha de Allegue disse...

Gustoume moito a foto Parabens!!!.

Unha aperta grande.
:)

maat disse...

espelho das mãos do homem, que se ausentou do real, para que sua inteligência amasse o ar,a água,a terra e o sol...

Boa semana,


***maat

Dalaila disse...

maciça e gira no formato do vento, que nos arrefece e aquece.

Boa semana

Meg disse...

Curiosa a fotografia, que tem a ver com o post anterior - girândola - a paisagem do futuro.

Gostei

Um abraço

Hanah disse...

Reflexos grandiosos...

beijos

Paulo Sempre disse...

As mãos têm secretos mistérios no seu deslisar repetitivo...
Até sempre.
Paulo

lupussignatus disse...

Olá Marinha!

Reflexos...

Obrigado.

Abraço.

lupussignatus disse...

Olá Maat!

Espelho estilhaçado pela insaciável fome de ganância...

Continuação de excelente semana.

lupussignatus disse...

Olá Dalaila!

Rodopia...

Continuação de uma excelente semana.

lupussignatus disse...

Olá Meg!

Esperemos que o futuro não seja - tal como vamos assistindo - à colocação de hordas destes gigantes por todo o lado, inclusive, em Parques Naturais...

Obrigado.

Abraço.

lupussignatus disse...

Olá Hanah!

Espelhos...

Beijo.

lupussignatus disse...

Olá Paulo!

Seja muito bem-vindo...

Mistérios insondáveis esses... :)