Há imagens que sangram...

Fotografia de Charles Dharapak/Associated Press

2 comentários:

Dalaila disse...

Há imagens que escorrem verdades....
garnde imagem e só não olhou quem não quer sentir, que o coração sangre do alheamento...

fiquei aterrada...

lupussignatus disse...

Dalaila,

O sangue derramado pelos milhares de civis vítimas das guerras do Iraque e do Afeganistão (será que do Irão?!) não pode nem deve ser esquecido.

Tal como não devem ser esquecidos aqueles que, baseados em mentiras, despoletaram esta carnificina.

E, já agora, não esquecer também quem as caucionou...

A memória, sempre a memória...