A fonte da (in)quietação


"Tenho no coração uma necessidade de comunicação, de comunhão, que me inquieta. Morro por beber na fonte dos outros. Para qualquer lado que me vire, sinto-me em estado de carência."

Henri Troyat, escritor e historiador francês
"Source", fotografia de Remi Aerts, in http://www.photoforum.ru/

6 comentários:

Cometa 2000 disse...

comum-união.

beber. dar de beber.
sempre sedentos.

:)

bom fim de semana.
belo post.

Dalaila disse...

nunca se saceia a vontade de beber... em qualquer lado, em qualquer boca...

nunca se saceia a vontade que nos bebam....

Bom feriado

beijo

Hanah disse...

eis-me aqui....

Beijão

lupussignatus disse...

Boa noite Cometa!

Sigo o teu rasto...

Comungar. Partilhar. Dar.

Só mais tarde receber.

O líquido da amizade.

Da fonte da terra. Húmus.

:)

Obrigado. Óptimo fim de semana.

lupussignatus disse...

Boa noite Dalaila!


Insaciados

buscamos

o néctar

da boca

no rebordo

do copo

nas rugas

da mão


Insaciados

como caminhantes

perdidos

no deserto


Obrigado. Excelente fim de semana

lupussignatus disse...

Boa noite Hanah!

Eis-me

aqui

neste lugar

recôndito

seixo

côncavo

arrastado

pela corrente


Obrigado pela visita. Excelente fim de semana.